Próxima leitura.

Próxima leitura.


28/07/2014 - 18:10 | Reblog this post
Alguém tem um casamento para ir

Alguém tem um casamento para ir


19/07/2014 - 15:52 | Reblog this post
Sábado de sol,aluguei um caminhão

Sábado de sol,aluguei um caminhão


19/07/2014 - 15:14 | Reblog this post
Até o google me deu parabéns !

Até o google me deu parabéns !


09/07/2014 - 18:23 | Reblog this post
Leitura do mês

Leitura do mês


09/07/2014 - 10:07 | Reblog this post
Molly divando

Molly divando


25/06/2014 - 10:21 | Reblog this post

24/06/2014 - 22:51 | 4,770 notes | Reblog this post

24/06/2014 - 22:40 | 13,438 notes | Reblog this post

24/06/2014 - 22:13 | Reblog this post
El miedo es una sombra que el temor no esquivaEl miedo es una trampa que atrapó al amorEl miedo es la palanca que apagó la vidaEl miedo es una grieta que agrandó el dolor
Miedo - Lenine 

El miedo es una sombra que el temor no esquiva
El miedo es una trampa que atrapó al amor
El miedo es la palanca que apagó la vida
El miedo es una grieta que agrandó el dolor

Miedo - Lenine 


24/06/2014 - 22:04 | Reblog this post

(Source: soigor, via detalhesnotaveis)


24/06/2014 - 22:01 | 14,409 notes | Reblog this post
Eu tive um sonho que minha vida seriaTão diferente deste inferno que eu vivoTão diferente agora do que parecia serAgora a vida matou o sonhoQue eu sonhei.
Les miserables
Fonte: http://smudgeandfrank.deviantart.com/art/Les-Miserables-345657625

Eu tive um sonho que minha vida seria
Tão diferente deste inferno que eu vivo
Tão diferente agora do que parecia ser
Agora a vida matou o sonho
Que eu sonhei.

Les miserables

Fonte: http://smudgeandfrank.deviantart.com/art/Les-Miserables-345657625


24/06/2014 - 21:47 | Reblog this post

Nossas paixões platônicas ficam embolotadas numa esfera celulosa de carne dura e sanguínea e tensa e pulsante, entranhada mais ou menos entre o ventre e o cu. Gabito Nunes em “Juliete Nunca Mais”


27/12/2013 - 18:41 | Reblog this post

Como Iapetus, eu sou para você Autor: Valmique Bento da Silva Oliveira



“Eu tenho um passado
Que é como uma cadeia de montanhas:
Maior que o Everest.
E é impossível alguém descobrir o topo.
Mas o meu lado sentimental
Estava sempre voltado para você.
Algo muito intrigante sobre mim
É que minha metade
É coberta por uma substância brilhosa
Que eu revelo hoje o por quê!
É que o lado voltado para você
Estará sempre brilhando de felicidade
Porque está sempre comigo
Mas tenho uma metade escura
Que não irá descobrir
Porque lá está o meu passado
Que nunca será revelado.
Te amo, Saturno
Te escrevo: Iapetus.”


04/12/2013 - 12:03 | Reblog this post

20/11/2013 - 9:20 | Reblog this post
Page 1 of 113 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 >

ASK ME